Saudades

Sinto saudades de ti, do mergulho mais profundo que fiz ao interior de mim mesma, tive medo de nunca mais voltar à superficie, ainda te amo.

publicado por Isabel Afonso às 01:36 | link do post | participe