Sexta-feira, 31.05.13

Memórias de viagens (I)

A caminho de Santander para apanhar o ferry boat para Plymouth, madrugada fora entre neblinas e paisagens a perder de vista na rádio espanhola o apresentador lamentava o facto dos Ingleses se terem apropriado dos originais de D. Quixote, na rádio Inglesa e na mesma madrugada falava-se de como podar um tomateiro de modo a maximizar a produtividade.

publicado por Isabel Afonso às 00:39 | link do post | participe | ver comentários (4)
Quinta-feira, 30.05.13

O erro

"O erro é um dos meus modos fatais de trabalho."

Clarice Lispector

publicado por Isabel Afonso às 21:51 | link do post | participe
Quarta-feira, 29.05.13

Dead can dance

publicado por Isabel Afonso às 23:10 | link do post | participe

Eis o inferno

"No inferno não há punição, pois no inferno fazemos o regozijo supremo do que seria a punição, da punição fazemos neste deserto mais um êxtase de riso com lágrimas , da punição fazemos no inferno uma esperança de gozo"...o paraíso portanto.

Clarice Lispector

publicado por Isabel Afonso às 23:03 | link do post | participe
Terça-feira, 28.05.13

Taxonomia

É irritante a taxonomia, vão lá arrumar a realidade para outro planeta...ok

publicado por Isabel Afonso às 19:33 | link do post | participe

Dedicado a todos os visitantes

publicado por Isabel Afonso às 18:00 | link do post | participe
Segunda-feira, 27.05.13

Tu

progredias de redução em redução até à evidência mais insuportável e eu sofria

publicado por Isabel Afonso às 00:34 | link do post | participe

Sexo

Depois de podermos fazer aquilo que queremos e bem entendemos, o sexo banalizou-se, pede-se a quem não se deseja e pode até ser pretexto para um infinito número de coisas, o desejo alimenta-se de inteligência e de um saber fazer que escapa a muita gente, por isso as mulheres identificam com relativa faciliade os lobos maus da sua floresta, há quem faça batota e vá dormir com o bambi e sonhar com o lobo mau.

publicado por Isabel Afonso às 00:06 | link do post | participe | ver comentários (10)
Domingo, 26.05.13

Efectivamente

Efectivamente não ando cá para salvar ninguém que não tenha percebido como tudo isto é absurdo, foi penoso o caminho para aqui chegar, não invejes o meu ar sereno, nada tem a ver com felicidade mas com indiferença. 

publicado por Isabel Afonso às 12:31 | link do post | participe | ver comentários (4)
Quinta-feira, 23.05.13

...

publicado por Isabel Afonso às 00:54 | link do post | participe

mais sobre mim

pesquisar neste blog

 

Maio 2013

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
17
18
19
24
25

últ. comentários

  • Gostei do livro.http://numadeletra.com/a-casa-dos-...
  • nada tem a ver contigo...mas comigo ;)
  • Acabo de observar que o teu blog ficou privado. Se...
  • não se pode baixar as guardas ;)
  • Não há problema, eu não levo a mal . E carrascos s...
  • menos mal...é porque não há ninguém à altura (não ...
  • E como o podemos fazer? Se tantas vezes somos nós...
  • Notei a ausência,É sempre bom vir por aqui ...Saú...
  • é o que sei fazer...para o bem e para o mal...cois...
  • Tens a noção de como estão brilhantes estas palavr...

Posts mais comentados

arquivos

favoritos

subscrever feeds

blogs SAPO